Benefícios e cuidados com a exposição aos raios solares

Benefícios e cuidados com a exposição aos raios solares

Esta semana o assunto é sobre o Sol, que tem tantos benefícios que nem há espaço aqui para citá-los! Mas a questão é que hoje as pessoas agem como se houvesse a mesma incidência de radiação, desde a hora que surgem os primeiros raios solares até o momento que ele se põe. E não é assim. Hoje vamos falar sobre os benefícios e cuidados com a exposição aos raios solares!

Em 2016, o Ministério da Saúde no Brasil, observou índices alarmantes em todo o sul do país, devido à falta de Vitamina D (hormônio essencial para os ossos) e associa isso ao “uso abusivo de fatores de proteção acima de 15”, sem a necessidade de exposição solar.

Acontece que as pessoas, mesmo em horários permitidos para o uso terapêutico do Sol, usam filtros e bloqueadores solares. Em horários permitidos, o Sol é altamente benéfico. Ele é bacteriostático, sintetizante hormonal, eleva níveis de serotonina, dentre tantas outras maravilhas.

Cuidados para não perder a Vitamina D

Alerto sempre: cada indivíduo necessita de um FPS específico para seu biotipo e fototipo; se você vai à praia, se for um horário regular, fique exposto ao Sol por 20 minutos, depois besunte o corpo e não esqueça: a vitamina D leva de 6 a 9 horas para ser absorvida. Então, nada de lavar a pele com tensoativos (sabonetes) após a exposição solar! Desse jeito você carregará toda a vitamina D ou boa parte dela para o ralo!

Fique alerta!!!! Cuidado com a estrogenicidade nos Fatores de Proteção Solar acima de 20. Sim, existem certas composições cosméticas que podem causar aumento de peso a longo prazo. Citarei algumas delas:

Benzofenona-4: Efeitos estrogênicos (4)

Imagine que a cada banho que tomamos todo o filtro solar que estava no nosso corpo vai direto para o ralo e, consequentemente, para os rios. Assim, torna-se cada vez maior a contaminação dos afluentes por esses produtos. Por esse motivo, os efeitos do filtro solar benzofenona-4 (BZ-4) nos peixes foram estudados. Os resultados mostraram que essa substância apresentou atividade estrogênica em embriões e no cérebro adulto; e atividade antiestrogênica no fígado. Além disso, a BZ-4 interfere com o sistema hormonal de peixes, tornando importante a avaliação do risco desse filtro solar para humanos.

Efeito estrogênico: Aumento do peso uterino e de células tumorais (7)

A aplicação dos filtros solares benzofenona, homosalato, 4-metil-benzilideno cânfora, octil-metoxicinamato, e octil-dimetil-PABA aumenta a proliferação de células desencadeantes de câncer de mama, levando também ao aumento do peso uterino, o que confirma o potencial estrogênico desses filtros.

Aumento do peso da tireoide, atraso do início da puberdade e redução do ganho de peso por ratas grávidas (8)

De acordo com uma pesquisa realizada na Suíça, os filtros UV representam uma nova classe de compostos químicos com atividade endócrina. Veja abaixo alguns resultados encontrados pelos estudiosos:

  • 8/9 filtros estudados apresentaram estrogenicidade;
  • 2/9 mostraram atividade antiandrogênica;
  • As benzofenonas-1, 2 e 3; o 3-benzilideno cânfora, a 4-metil-benzilideno cânfora e o octil-metoxicinamato aumentaram o peso uterino de ratos;
  • O ganho de peso de ratas grávidas foi reduzido pela 3-benzilideno cânfora;
  • O 3-benzilideno cânfora e a 4-metil-benzilideno cânfora atrasaram o início da puberdade em ratos machos;
  • Aumento do peso da tireóide pela 4-metil-benzilideno cânfora.

Octocrileno: Potencial alergênico (9)

Foi comprovado que o octocrileno, também muito encontrado nas formulações de fotoprotetores, é capaz de causar alergias de contato e por fotocontato.

Etilhexil metoxicinamato: Múltiplas atividades hormonais (10)

O etilhexil metoxicinamato (EHMC) induz significativamente a alterações histológicas dos ovários de peixes e a redução dos espermatócitos, sugerindo efeitos estrogênicos e antiandrogênicos do EHMC. Desta forma, conclui-se que essa substância apresenta múltiplas atividades hormonais em peixes.

Não devemos abrir mão do uso do filtro solar, mas temos o direto ao conhecimento dos benefícios e dos malefícios do uso abusivo.

Apenas usem corretamente. Os mais recomendados e menos agressivos para os humanos são, portanto, aqueles compostos apenas por filtros solares inorgânicos (óxido de zinco e dióxido de titânio) e, para descobrirmos isso, basta darmos uma olhadinha no rótulo dos produtos.

Se vocês encontrarem qualquer uma das substâncias citadas nos estudos que apresentei nesse artigo, significa que o produto não é tão legal assim. Para tudo na vida, o equilíbrio vem em primeiro lugar.

Até a próxima matéria.

Abraços Estéticos!

Milliana Devilla - RentalMed

Milliana Devilla

  • É graduada e especialista em Cosmetologia e Estética e em Formulações Cosméticas (Brasil).
  • Fundadora e Colaboradora na Empresa Consultoria Estética
  • Docente Universitária nos Cursos de Graduações e Pós Graduações
  • http://cms.milliana-devilla-consultoriaestetica.webnode.com
  • @millianaconsultoria
  • @milliana_devilla

Referências

  1. Zucchi S, Blüthgen N, Ieronimo A, Fent K. The UV-absorber benzophenone-4 alters transcripts of genes involved in hormonal pathways in zebrafish (Danio rerio) eleuthero-embryos and adult males. Toxicol Appl Pharmacol. 2011 Jan 15;250(2):137-46. Epub 2010 Oct 16. PMID: 20937294
  2. Fent K, Zenker A, Rapp M. Widespread occurrence of estrogenic UV-filters in aquatic ecosystems in Switzerland. Environ Pollut. 2010 May;158(5):1817-24. Epub 2009 Dec 9. PMID: 20004505
  3. Janjua NR, Mogensen B,et al. Systemic absorption of the sunscreens benzophenone-3, octyl-methoxycinnamate, and 3-(4-methyl-benzylidene) camphor after whole-body topical application and reproductive hormone levels in humans. J Invest Dermatol. 2004 Jul;123(1):57-61. PMID: 15191542
  4. Schlumpf M, Cotton B et al. In vitro and in vivo estrogenicity of UV screens. Environ Health Perspect. 2001 Mar;109(3):239-44. PMID: 11333184
  5. Schlumpf M, Schmid P, et al. Endocrine activity and developmental toxicity of cosmetic UV filters–n update. Toxicology. 2004 Dec 1;205(1-2):113-22. PMID: 15458796
  6. Karlsson I, Vanden Broecke K, et al. Clinical and experimental studies of octocrylene’s allergenic potency. Contact Dermatitis. 2011 Jun;64(6):343-52. doi: 10.1111/j.1600-0536.2011.01899.x. Epub 2011 Apr 19. PMID: 21504434
  7. Christen V, Zucchi S, Fent K. Effects of the UV-filter 2-ethyl-hexyl-4-trimethoxycinnamate (EHMC) on expression of genes involved in hormonal pathways in fathead minnows (Pimephales promelas) and link to vitellogenin induction and histology. Aquat Toxicol. 2011 Apr;102(3-4):167-76. Epub 2011 Feb 2. PMID: 21356179

Leia também: 

Dezembro Laranja: protetor solar contra o câncer de pele!

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Your email address will not be published. Required fields are marked *

{"cart_token":"","hash":"","cart_data":""}